Home Mensagens de Nosso Senhor Jesus Cristo (09/10/2006) São José dos Pinhais/PR

(09/10/2006) São José dos Pinhais/PR

(09/10/2006) São José dos Pinhais/PR

Jesus:Meu pequeno, alegra-te com a minha voz a soar em teu coração.

Hoje te venho falar sobre…

Meu filho, o aceitar de bom grado, a minha Divina vontade, faz com certeza os santos. Filho meu, que há de mais belo e consolador para um filho que satisfazer o pai e a mãe?

Como estão satisfeitos com a sua obediência e se alargam em prêmios, assim Me comporto com a alma submissa as minhas divinas disposições.

Prestes atenção!

Na casinha de Nazaré foi executada perfeitamente a divina Vontade. Por isso, foi a casa mais santa de todas as gerações.

Conheces a sabedoria dessa Divina Vontade?

Eduardo:

 Não

Jesus:

Ela é a chave única, o segredo, para a santidade.

Eduardo:

Senhor nas mensagens passadas, ao eu lê-las, percebi que faltam algumas palavras.

Eu escrevi tão rápido que não me dei conta de anotá-las.

O que fazer?

Jesus:

O Espírito Santo ira preenche-las. Continue anotando…

Enquanto é um repouso e uma consolação, é um auxilio tão grande para a alma que se abandona, que a torna quase inexpugnável frente a qualquer inimigo.

Quando souberes isto bem, na haverá senhor seja do que for, porque estarás sobre a via mestra da santidade. Não poderás enganar-te, nem retroceder.

Se houvesse compreendido já a vantagem da submissão à Minha Divina Vontade, se houvesses esperado e confiado em Mim, há esta hora filho meu, estarias já nos cumes da perfeição.

Põe nisto serio empenho: coloca debaixo dos pés o amor próprio que te arruína o edifício da santidade.

Se te pedisse canseiras especias…ao contrário, só te peço a morte moral, isto é a santa indiferença nas ocasiões e circunstâncias tão diversas da existência.

As almas não as trabalham ao acaso, e antes de iniciar o seu cultivo, a tudo providência a Minha Sabedoria. Acomoda-te tranqüilo e serenamente ao Meu beneplácito, sem teres outra preocupação que não seja amar-Me e comprazer-Me.

 Filho meu esforça-te em praticar as pequenas virtudes inerentes à verdadeira infância espiritual.

Presta-te ao Meu trabalho com humildade condescendência.

Esta satisfeito de como a criança, que dá a mãe ao pai para ou caminhar com ele.

Filho meu a aceitação da Minha Vontade, se bem praticada e compreendida, é a essência da confiança em Mim. É amor prático, levado ao grau de confiança e obediência filial que se precisa para serem verdadeiros filhos meu como Eu fui e sou obediente ao Eterno Pai.

Faz-te filho meu que compreendendo a sua incapacidade, tudo espera de Mim, com firmeza de amor filial. Saem de ti mesmo as tuas idéias são excessivamente pequenas e mesquinhas.

Ama o teu Jesus que te não abandona um só instante e todos os seus anseios se dirigem a tua alma. Esquece também, seja o que for para te abismares em Mim.

Não te inquietes com o que possa acontecer a tua beira, mas procura em tudo reconhecer a Minha vontade, embora desagraves, segundo os vossos critérios.

Não é a ocupação, nem o lugar que fazem os santos, mas tão só o Meu espírito e a completa união Comigo.

Quem em Mim confia, vai de surpresa em surpresa vendo os acontecimentos guiados por Mim com paternal providência.

Não penses mais que tudo quanto sucede de contrário é um castigo. É verdade que te poderia oferecer satisfações e em vez disso, faço o contrário, mais isso não quer dizer que seja exclusivamente por castigo.

Se acho resistência, mesmo nas pessoas consagradas, como acharei adesão, sob missão, desejo de obediência em todos os demais?

Todos são capazes de Me amar na doçura e quando tudo corresponde aos seus anseios.

Estais entendendo?

Eduardo:

Sim!

Jesus:

Apóia-te,espera,crê em Mim, Bondade infinita.

Eu nada posso fazer unicamente para originar sofrimento. O meu Coração não só é bom, mas infinitamente delicado. Vou até ao sumo grau de quanto é preciso a tua alma para ser-te de consolação e auxilio.

Vive tranqüilo meu filho.

Quando o chefe de família ama e vigia, nada pode acontecer de mal aos seus filhos. Um olhar atento e vigilante vale mais de cem que olham com indiferença.

Pena, de continuo, na divina Bondade do meu onividente olhar, repousa de vez em Mim, com extrema confiança.

Filho meu, medite:

_que dirias de uma criança que amparada pela mãe, andasse continuamente a choramingar dizendo: estou em teus braços, mas tu poderias abri-los e deixar-me cair.

É verdadeira confiança esta?

Eduardo:

Acho que não!

Jesus:

Assim tu em vez de apenas desconfiares de ti,também desconfias de Mim.

Quando estiveres plenamente abandonado a Mim, lamentarás os tempos em que de Mim andaste afastado e não compreendeste a sabedoria e o pleno gozo de uma alma que em Mim confia.

Equivale o Paraíso, onde estareis seguros, porque vos sentirá circundados pela imensidão da Minha onipotente Bondade.

Muitas vezes és injusto para Comigo e não te abandonares inteiramente a Mim.

Quantos sinais Eu tenho dado para chamar – te a atenção.

A criatura sim que é limitada e mesmo querendo – o certas coisas não as pode evitar, mas não é limitada a Minha onipotência que pode quando quiser, e quer todo o vosso bem.

Reduz as cinzas quanto de humano há em ti, espiritualizando-te completamente.

Deixa-te trabalhar, sem pores obstáculo a graça divina, ao ímpeto rigoroso do meu Amor ardente.

Se contente de morrer para quanto não é o teu Jesus, ligado a Ele e ao Seu amor. Não chores se tiver de te dar golpes para te enxertar em Mim se tenho de cortar e abater qualquer ramo, que não te faz suficientemente belo.

Minha criança, quando alguém possui uma casa, acomoda – a aos seus gostos e desejos né?

Eduardo:

Sim!

Jesus:

Quero – o digna morada Minha e por tu não seres capaz de nada, faço Eu de operário e decorador.

Tu apenas estás na condição de consentir que Eu faça quanto Me apraz.

Por isso filho meu (segredo), dado que é para te embelezar, não te movas nem gritas: crê firmemente que o teu Jesus trabalha não para fazer-te sofrer,mas para te fazer sua habitação e mesmo indigno possível.

Criança, o vaso de argila, ou outro qualquer por ser inanimado é incapaz de ouvir seja o que for.

Assim tu, pondo-te livremente em minhas Mãos, deves com a maior confiança, abandonar-te as Minhas disposições divinas. Transforma o teu ser espiritual num ato continuo de amor e esvazia-te.

Depois fica absolutamente tranqüilo, do teu lado estás bem, em ti pensarei Eu, não receies.

Filho, tu desejando agir, esvaziar ou encher, afadiga-te em vão, com perda tua.

Eu o Senhor, trabalho mesmo sendo imóvel e com alegria. Mesmo em ordem a santidade, tens de crescer como Eu quero.

Jesus:
Por que desejas às vezes voltar pra trás?

Avança com simplicidade no pensamento e no coração, abandonando em Mim.

Com o Meu auxilio tudo poderás filho meu.

Em primeiro lugar, tens de fazer um enorme tirocínio, a fim de te convenceres que só com as tuas forças, nunca lá chegarás.

Humilha-te, sem perder a coragem!

Qualquer criança é mais avisada que tu.

Vendo se fraca e incapaz de caminhar, lança mão de quanto pode auxiliá-la, depois quando já se acha ao colo da mãe, fica segura.

Bem a pode imitar, confiança em Mim e em minha Santa Mãe, que tem o extremo carinho das mães.

Amo o coração humilde e simples que se deixa guiar sem a mínima dificuldade. Há sempre criaturas satisfeitas da forma que uso com elas.

Vós achais belo não aquilo que o é, mas quanto vos agrada. Assim Me agrada a miséria, o teu nada e a tua incapacidade.

Em ti me empenho trabalho seguro, de sabedoria, de bondade e de misericórdia.

Que feliz abandono para a tua alma. Nada tens já a passar, exceto em corresponder ao impulso da graça e permanecer atenta sob o Meu assíduo labor. O sucesso da tua constante submissão será eficaz e duradouro.

Lembre: Sou agricultor de almas e delas Me preocupo sumamente.

Não preciso de ninguém, só peço que o terreno seja oferecido espontaneamente e não volte a retirar.

Nem sequer exijo retribuições: basta-me que a alma esteja atenta ao Meu labor e excecute o que lhe marco dia-a-dia.

Filho, segurando a capacidade das almas, a umas dou asas, velocidade na corrida espiritual a outras, e a algumas, ao invés, um passo normal, embora continue. A tua lentidão e incompreensões não obstaculizam o meu progressivo trabalho em ti.

Mais vale estar no rés-do-chão, que um piso superior, sofrendo vertigens.

É verdade que poderei levar-te e desse modo, fazer-te dar passo de gigante, mas esses seriam Meus, não teus. Prefiro agir como um pai, quando ensina o filhinho ao passo do pequenino, ajudando-o, inclinando-se sempre na disposição de socorrê-lo.

Querido filho, um operário quando se lhe entrega um objeto do seu patrão para repará-lo, acha os defeitos por si mesmo e vê o que lhe falta. Assim também Eu o senhor, quando a alma sinceramente se põe a Minha disposição, a fim de corrigi-la e santificar, ponho-me logo a fazê-lo com pratica e sábio amor.

O trabalho da Minha graça é maravilhoso, se pudésseis compreender, perderias o sono, de reconhecimento e admiração.

Nenhum jardineiro apaixonado cuida tanto a sua flor predileta, como Eu amorosamente, Me empenho com cada uma das almas.

Não te preocupes seja com o que for como de nada cuidam as plantas e as flores. Eu providenciarei tudo!

As criaturas acham –se as Minha ordens e nada acontece sem a Minha providente sabedoria, nada que não seja filho de um Meu ato de amor.

A mãe nem sempre é capaz de perscrutar e compreender o coração de todos os filhos. Eu, porém tudo compreendo e chego a tudo.

Confia em Mim até nas coisas menores e não tardarás a chegar a essa confiança filial, a essa liberdade de espírito, a essa tranqüilidade que fazem o verdadeiro repouso da alma santa.

Desejas percorrer a pequenina via do amor ou amassando em preocupações e ansiedades?

És como uma cama! Basta o menor toque para agitá-la e sacudi-la.

Falta-te esse amor resistente as vicissitudes, que nada é capaz de tornar menor ou destruir.

Meu filho faz-te pequeno aos meus olhos, tem fé: essa fé consistente e suave, que não possui angulosidade, isto é, vitoriosa sobre os juízos humanos.

O Meu trabalho nas almas é calmo, silencioso, continuo sem um instante de repouso.

Observa a Minha constante posição de trabalho na casinha de Nazaré, como já havia te falado anteriormente.

Num ápice era Eu capaz de criar ou fazer qualquer gênero de objeto. Em vez disso, como se fora um artesão imperfeito, empregava todas as horas preciosas para cada um deles.

Pensa em quanta bondade e amor uso com as almas para moldá-las, mesmo com fadiga da vossa parte.

Tenho mais satisfação e é-Me bastante, mais caro ir-te modelando a pouco a pouco, e ver os frutos do Meu trabalho, que fazer tudo logo de uma vez, por meio da Onipotência que possuo. Até para ti é melhor, porque a humanidade, base da santidade, tem de ser canseira, mais vossa que Minha.

Mais prazer Me dá um passo teu por dia, que se fizesses largo caminho e depois te detivesses com desconfiança.

Filho, deixa – te conduzir pela Minha mão divina.

Despoja-te de ti mesmo, absolutamente, mas sem temor.

Deixa-te manejar por Mim como pasta bem trabalhada, que se acomoda a todas as formas.

Bem sabes que ninguém te conhece melhor que Eu, ninguém te ama ou de ti mais se compadece que Eu.

Confia em Mim, é a mais bela prova de amor que podes oferecer ao teu Deus.

Quando confiadamente repousais sobre o meu Coração, com perfeito abandono, Estou feliz, de uma felicidade paternal e maternal, que se fosse possível os Anjos dela teriam inveja e os Santos do Paraíso, que, no entanto, a gozam absolutamente perfeita.

Custa-vos tanto este abandono, enquanto seria um estado de verdadeira bem – aventurança. Tendes a felicidade em vossas mãos e ides atrás de fogos – fátuos. Lembra disso!

Filho meu, recomenda –se a Mãe Santa todos os dias.

Ela foi exaltada e nobilitada com a Divina Maternidade, mas em tudo foi como vós e embora sem pecado, conhece os defeitos e pecados inerentes aos filhos e filhas de Eva.

A sua experiência excede todos os conhecimentos contados pela mulher forte descrita na Bíblia.

Eu não quero fazer nada sem Ela. Faz também tu de igual modo.

Caros filhos, decidi-vos também vós a viver com amor, conhecendo cada vez melhor o amor de Deus.

Tudo quanto fizeres aqui na terra por amor a Mim, no céu será recompensado. Amém.”

《Ps. Jesus ficou comigo das 05h30min a 07h30min da manhã. Algumas palavras que Ele dizia, não consegui entender porque já estava eu com sono.》

Leave a Reply

Your email address will not be published.